Secreção nos Olhos: Como tratar o problema na causa!

O desconhecimento sobre o funcionamento dos olhos faz com que muitas pessoas repitam o mesmo erro! A cada problema visual que surge só tratam os sintomas, mas nunca a causa. E parece que isso é ainda pior se falarmos de secreção nos olhos.

De modo simples, a secreção, geralmente, acontece por um acúmulo de gordura. Como se você estivesse produzindo mais gordura do que precisa. Por outro lado, isso ainda pode ser uma infecção bacteriana, como no caso da conjuntivite.

E esse desconhecimento fica pior ainda, já que existem vários tipos de conjuntivite, como a conjuntivite bacteriana, viral e até alérgica.

Entendendo a origem da secreção nos olhos

Mas, antes de qualquer coisa, é bom entender: todos temos um nível de secreção nos olhos, já que a gordura é produzida perto dos cílios e também está na composição da nossa lágrima. Por isso, a secreção é algo normal, como aquela que muita gente tem quando acorda. E essa está tudo bem! Você vai lá no banheiro, lava e não terá problemas. Mas é preciso se preocupar se ela surge em excesso.

E quando isso acontece, não tenha dúvida, é importante ir ao médico ver se está tudo bem. Principalmente porque é preciso entender. Se é amarelada, esverdeada, se parece pus, se pode apontar uma infecção bacteriana. Enfim, entender o que é para cuidar!

Você pode até apostar em uma compressa. Porém, sem saber a origem da secreção nos olhos, pode não estar resolvendo nada. Mas o que acontece se for uma blefarite, por exemplo? Nela há um acúmulo de gordura na base dos cílios, ali se forma uma crosta. Algo não espesso que causa até uma dificuldade de abrir os olhos pela manhã.

Tem ainda um acúmulo de gordura que forma um terçol. Aquela irritação bem na base dos cílios, que pode acontecer junta da blefarite. Em alguns casos ela ainda causa uma escamação, quase como uma caspa nos cílios.

Passando para a conjuntivite, na maioria das vezes bacteriana, também tem a secreção, mas ela não é a única razão dos olhos irritados. A conjuntivite, por exemplo, pode ser alérgica.

 

Para entender melhor, a conjuntiva é essa membrana branquinha que cobre o seu olho. Ela pode inflamar e infeccionar. Pode ser uma inflamação viral, alérgica ou bacteriana. E justamente por isso não podemos simplesmente tentar cuidar sozinho, é preciso ir a um médico ver que tipo é e que tratamento fazer.

Cuidando de Olhos vermelhos e com secreção

Normalmente, quando você está com o olho vermelho, vai lá e coloca colírio. E isso é ruim, já que o antibiótico tem efeitos colaterais. O certo seria usar apenas em situações específicas, quando precisa acabar com a uma bactéria.

E pior ainda, como você sabe que é bacteriana? Às vezes, a conjuntivite não é bacteriana, ela mas viral. Nesse caso, não adianta colocar antibiótico. Se é alérgica, a mesma coisa. Não adianta colocar lágrimas artificiais se você não está cuidando na causa.

Se é uma conjuntivite alergia precisa, por exemplo, entender o que está te dando essa alergia. Raramente, pode ser até um alimento. Na maioria das vezes, pode ser um produto químico.

Tenho alunos que nadavam na piscina com cloro três vezes na semana e ainda não entendiam de onde vinha suas irritação nos olhos. Cloro irrita demais a visão. Em piscinas aquecidas são ainda piores. Elas criam aquele vapor que é horrível para a visão. O contato com isso faz muito mal para a tireoide, é até cancerígeno.

A pessoa vai na piscina, volta, chega em casa, coloca o colírio, esfrega, aperta, lava e faz de tudo sem perceber que não adianta nada, já que o problema é a alergia. Então, uma dica é preferir piscinas salinizadas ou até tratadas com ozônio.

 

Outra coisa é o cuidado com os esmaltes e produtos de maquiagem. Todos esses produtos têm muito chumbo e metais pesados. Você fica lá coçando os olhos com o esmalte e nem percebe. Nesse caso, existem opções de maquiagem orgânica e esmalte orgânico. Quem sentir que pode ter um problema precisa procurar isso.

Produtos de limpeza também precisam de atenção. O detergente que você lava a louça, o sabão da maquina de lavar roupas. Você pode estar “contaminando” os produtos da cama, lençóis, fronha do travesseiro etc. Todo um material que fica em contato com seus olhos, até na toalha de banho isso pode acontecer.

É bom investigar tudo isso e, sempre que possível, optar por “produtos verdes”. Por exemplo, se você mistura vinagre com óleo de melaleuca pode limpar quase a casa inteira e é completamente natural.

Por fim, isso pode chegar até a sua alimentação, como quando você consome muitos conservantes. Por outro lado, produtos com ômega 3 e linhaça ajudam na composição da lágrima. Substâncias que deixam seus olhos mais lubrificados e evitam infecções e inflamações.

E lógico, cuidado com o uso de lentes de contato, que aumenta esse tipo de irritação, secreção nos olhos e inflamação, além de diminuir a oxigenação da córnea.

Mas o mais importante é lembrar que quando o assunto é sua visão é preciso tomar todo cuidado e não perder tempo cuidando do resultado sem tentar solucionar a causa.

Quer Receber sem Custo 1 Hora em vídeo de Exercícios para os Olhos?

Cadastre-se em minha Lista Vip, é totalmente gratuita, e por ela eu envio e-mails com Vídeo Aulas, Dicas e Exercícios Visuais para você praticar.
É por e-mail também que eu aviso quando os Programas Onlines estão com as inscrições abertas. Neles você têm acesso ao meu acompanhamento e também aos programas específicos de exercícios para cada problema visual.
Dois sábados por mês, das 9:00 ás 10:00, no Parque Villa Lobos – São Paulo, bem em frente ao anfiteatro (entrada principal), fazemos exercícios visuais ao ar livre, É totalmente gratuito e sem compromisso!!!

Basta chegar e participar !!!  Convide seus amigos e familiares, e venha sem lentes de contato!

Para saber as datas envie um e-mail para tatiana@tatianagebrael.com.br

MAIS INFORMAÇÕES E um Canal para tirar suas DÚVIDAS, envie um e-mail para:

tatiana@tatianagebrael.com.br

Quer saber mais e receber dicas como essa com exclusividade? Faça parte da lista VIP colocando seu email abaixo.

Responsive image

Dra. Tatiana Gebrael


Dra. Tatiana Gebrael ACREDITA nos tratamentos naturais, que agem não só nos sintomas, mas também nas causas dos problemas visuais e corporais, e que É POSSÍVEL ter olhos e corpo cada vez mais saudáveis em qualquer idade. Terapeuta Ocupacional, Especialista, Mestre, e Instrutora do método Self-healing de Meir Schneider.

Deixe seu comentário, dúvida ou sugestão

Campos obrigatórios são marcados com *